Home

 

 

Serviços
Macfix  

 

 

Contato

 

Twitter MacfixFacebook MacfixYoutube Macfix

 
    Serviços iPhone Serviços iPad Serviços iPod    
 

Steven Wozniak e Steven Jobs eram amigos desde o colégio. Ambos foram interessados em eletrônica, e também tachados de desordeiros. Após o final do colégio mantiveram contato e por coincidência, ambos foram trabalhar em empresas no Vale do Silício. (Woz na Hewlett-Packard, Jobs na Atari)

Wozniak se ocupou em computer-design por um tempo quando, em 1976 desenhou o que seria então o Apple I. Jobs, com um olho no futuro insistia em vender junto com Wozniak esta máquina e em 1º de Abril de 1976, a Apple Computer nasceu. Usuários não levaram a sério o Apple I e a Apple não começou a decolar até 1977, quando o Apple II foi lançado em uma feira local de computadores . O primeiro computador pessoal de caixa plástica e gráficos coloridos, o Apple II era uma maquina impressionante. Pedidos se multiplicaram depois do lançamento. Após o lançamento em 1978 do Apple DiscII, o mais barato floppy drive já lançado até então, as vendas dispararam. Com o aumento das vendas , a empresa cresceu, e em 1980 , quando o Apple III foi lançado, a empresa tinha dezenas de empregados e começava a exportar, empregando pessoal de alto nível técnico e com novos investidores que optaram em fazer parte da organização da empresa como diretores, para ter certeza que a Apple seria realmente uma compania séria, mesmo a contra gosto de antigos funcionários. Em 1981 as coisas começaram a ficar mais difíceis. O mercado ficou saturado dificultando as vendas e em Fevereiro a Apple foi forçada a despedir 40 empregados. Wozniak ficou machucado em um acidente aéreo ficando ausente da compania.. Jobs se tornou presidente da Apple computer em Março

Após a histórica visita a Xerox PARC em 1979, Jobs e diversos outros engenheiros começaram o desenvolvimento do Lisa, que redefiniu o computador pessoal. Jobs, entertanto, provou ser um gerente de projetos ruim, e foi retirado do projeto Lisa por Mike Markkula, então presidente da Apple, e um dos maiores acionistas. Jobs, que tinha apenas 11% das ações decidiu tocar outro projeto e começou a desenvolver o Macintosh --um computador pessoal de $500 dolares. Jobs tinha certeza que era muito mais do que isto. No começo de 1983, Jobs cortejava John Sculley, então presidente da Pepsi-Cola. Em Abril, teve sucesso e Sculley se tornou presidente e CEO da Apple. Jobs acreditava que Sculley ajudaria Apple "amadurecer", mas sem ideia de como funcionaria e eventalmente custaria seu emprego.


Embora sendo um empresário de sucesso, logo ficou calro que Sculley pouco entendia do negócio de computadores. Ele e Jobs entraram em desacordo. Como anuncio do Macintosh estava perto, Jobs enlouqueceu. Ele trabalhou duro junto com programadores para desenvolver programas para o maquina a ser lançada --Jobs sabia que a industria de software poderia lançar ou arruinar o Mac. No di 22 de Janeiro de1984, durante o terceiro intervalo do Super Bowl, Apple colocou no ar o comercial de 60 segundos lançando o Macintosh. Dirigido por Ridley Scott, a cena Orweliana represenou o mundo IBM sendo estilhaçada pela nova maquina . Inicialmente o Mac vendeu muito bem, mas perto do natal de1984, as pessoas ficaram se preocupavam com a pequena quantidade de memória RAM e com a pouca conectividade com Hard Drives. No começo de1985 Jobs e Sculley voltaram discutir. Sculley acreditava que Jobs era perigoso e estava fora de controle; Jobs acreditava que Sculley nada sabia sobre computadores, e fazia pouco esforço para aprender. Em Maio de 1985 Jobs decidiu tomar o controle da empresa. Ele induziu Sculley a marcar um encontro na China, e planejou um encontro de cúpula enquanto Sculley estava fora. No último minuto vazou a informação para Sculley, e ele decidiu confrontar Jobs. Depois de uma esquentado encontro o comitê votou a favor de Sculley. Jobs pediu demissão naquele dia, deixando Sculley como cabeça da Apple.


Sculley seria de fato cabeça da Apple em Maio de 1985. Nos meses seguintes Apple foi forçada a demitir 50% da sua força de trabalho, cerca de 1200 empregados. A compania teve tambem seu primeiro trimestre de perda. Tudo isto e mais a demissão de Jobs serviu para corroer a confiança nas abilidades de Sculley como CEO da Apple. Ao mesmo tempo, Sculley estava voltado a uma batalha com a Microsoft de Bill Gates sobre a introdução do Windows 1.0, que tinha muitas semelhanças com o Mac GUI . Gates finalmente fez um acordo em que não utilizaria da tecnologia Mac no Windows 1.0--não falou nada sobre versões futuras do Windows, e o advogado de Gate fez questão de fechar o negócio . Apple efetivamente perdeu exclusividade nos direitos do design da interface. Isto provou ser de muita importancia em outras batalhas judiciais entre Apple e Microsoft, envolvendo a interface Windows. O que tirou a Apple do buraco foi a introduçnao da LaserWriter, a primeira impressora PostScript de baixo custo e o PageMaker, um dos primeiros softwares de Desktop Publishing. Esta solução conjunta fez do Mac o equipamento ideal para editoração de baixo custo e o Mac foi um sucesso do dia para a noite, de novo. Em 1987, Apple apresentou o Mac II. Construido pensando na expansibilidade, o MacII fez o Macintosh ser uma linha de computadores viável e poderosa. Apple era a "queridinha da Wall Street ", com produção de 50,000 Macs por mês. Parecia em 1989 que oWindows seria um fracasso, e o Mac o sucesso da nova década. Não aconteceu. por volta de 1990 o mercado estava saturado com clones de PC com todas as configurações possíveis, e a Apple era a única compania a vender Macs. Em fins de Maio, Microsoft apresentou o Windows 3.0, o qual rodaria virtualmente em todos os PCs do mercado, colocando a Apple em uma situação bem desconfortável. A idéia da Apple foi licenciar o sistema operacional MacOs. O que muitos achavam que diminuiria a qualidade do Mac , aumentando a competição, deixando claro que a Apple não poderia ser fornecedora de hardware e software. Foi levantada a possibilidade do MacOs rodar em sistemas Intel. Foi Michael Spindler, o novo CEO da Apple, que barrou a idéia por achar ser "muito tarde para isto" Em 1991, Apple lançou o primeiro PowerBook, que foi um sucesso instantâneo. Estavam tambem trabalhando em um outro tipo de computador, o Personal Digital Assistant (PDA), o qual a Apple chamava de Newton. Sculley teve um interesse imediato no Newton, finalizando em Agosto de1993. A primeira geração de Newtons era extremamente ruim no recoinhecimento de escrita, e não vendeu muito bem. Sculley foi perdendo interesse na Apple dia a dia. Um dia o grupo de diretores da Apple pois um ponto final. Em Junho de 1993, destituiram Sculley da posição de CEO, colocando Spindler em seu lugar. Sculley permaneceu ainda como presidente por diversos meses até renunciar.
Spindler, por todos os acontecimentos não era a pessoa certa para o cargo. Impessoal e intocável. em seus dois e meio anos como CEO, Spindler realizou diverças façanhas. Em 1994 Apple anunciou a familia PowerMac, o primeiro Mac baseado no processador Power ,PC, um processador extremamente rápido co-produzido com a IBM e Motorola. O processador PowerPC permitia ao Macs competir e até superar processadores Intel . Spindler gerenciou licenças do Mac OS para diferentes companias como Power Computing, um dos mais bem sucedidos fabricantes de clones Mac, mas permaneceu muito restritiva em seus contratos fazendo com que poucas companias terem a licença o sistema operacional MacOs. O memor dos problemas da Apple não era vender computadores, mas sim construí-los. Em Junho de1995, Apple tinha $1 bilhão de dolares em pedidos--e não tinha peças para montar. os problemas da Apple aumentaram com o lançamento do Windows '95, que copiou mais do que nunca o Mac GUI. O pior período foi entre1995-96. Pré julgando o mercado, a Apple apostou nos Performas sem obter lucro. Apple teve prejuizo de $68 milhões de dolares naquele trimestre. Em Janeiro de 1996, Spindler foi levado a pedir demissão como CEO e foi trocado por Gil Amelio, antigo presidente da National Semiconductor.

Amelio fez um grande esforço para trazer a Apple para o lucro , porém não teve êxito. Nos seus 100 primeiros dias como CEO, Amelio anunciou mudanças na empresa. A compania foi separada em 7 divisões , cada uma responsável pelos seus lucros ou perdas. Procurou tambem manter informados desenvolvedores e usuários do dia a dia da compania. Apesar do desastroso prejuizo de $740 millhões de dolares no primeiro trimestre de 1996, já no segundo trimestre o prejuizo foi perto de $30 milhões de dolares, quebrando todas as estimativas do mercado financeiro. No terceiro trimestre, Apple lucrou $30 milhões de dolares, porém teve prejuizo no quarto trimestre No final de1996, Apple formalizou a compra da NeXT, e que Steven Jobs estaria retornando ao staff. Desta aquisisão surgiria a nova geração do MacOs: Rapsody A divisão Newton se tornou independente como Newton, Inc. Em Julho de 1997, Apple anunciou a dispensa de Gil Amelio, seguido de mais umtrimestre de prejuizos. Isto foi uma surpresa para todos, que esperavam ansiosamente pelo novo nome.

O comitê executivo reportou que Amelio tinha feito tudo que podia pela empresa. Neste meio tempo, Fred Anderson, CFO da Apple, foi encarregado nas operações do dia a dia e Steve Jobs no papel de interino. A presença de Jobs foi sentida tão rápido quanto a aquisição da NeXT. O grau de influência de Jobs logo ficou claro. Sem um CEO e com ações as mais baixas em 5 anos, muitas decisões teriam que ser tomadas em pouco espaço de tempo. Jobs começou com mudanças na estruturas da Apple, incluindo o cancelamento do Newton. Mas as grandes mudanças foram anunciadas na MacWorld Boston em Agosto de1997. Jobs, conhecido como CEO interino fez o seu discurso, e falou de sua futura campanha, agressiva, de novos Macs e Rapsody. tambem anunciou uma quase total renovaçnao na diretoria, incluindo Larry Ellison, CEO da Oracle, mas deixou o melhor para o fim. Numa aliança de bastidores , Jobs anunciou sua aliança com a Microsoft.

Pela troca de $150 milhões de dolares em ações da Apple, Microsoft e Apple fariam uma patente conjunta, e o mais importante , terminariam a disputa judicial pela cópia do GUI. Microsoft concordaria em pagar uma soma não revelada por utilizar elementos da Apple no Windows OS. Microsoft tambem lançaria o Office '98, na versão para Mac. Estes anúncios deram vida nova para a Apple , mas Jobs ainda não tinha terminado. Existia ainda um problema: Clones. Jobes sentia que fabricantes de clones como a Power Computing interferiam no mercado final onde a Apple seria mais lucrativa. Clones falharam em expandir o MacOs afastando usuários da Apple. Jobs remediou esta falha em 1997, comprando de volta da Power Computing a licenca do MacOs , e incorporando a maioria de seus engennheiros. Power fechou alguns meses depois, com a Apple mantendo o suporte aos seus produtos. Apple tambem recomprou licenças do MacOS da Motorola e IBM. Umax continuaria no mercado de clones , com maquinas a preços abaixo de $1000 dolares.

Logo Umax pararia de vender clones e passaria a vender Windows Em 10 de novembro de1997, Apple convocou a imprensa para Jobs anunciar novas estratégias. Apple venderia seus computadores pela web e telefone diretamente, assim como a Power Computing havia feito no passado e anunciou dois novos computadores: PowerMac G3, e o PowerBook G3. A Apple Store fez sucesso e em um mes era o terceiro maior site de eCommerce na web. Na MacWorld San Francisco em Janeiro, Jobs anunciou que pela primeira vaez em um ano, teve o primeiro trimestre com lucro de $44 milhões de dolares jogando para o alto as ações da Apple.

Em Abril de 1998, Jobs anunciou outro trimestre de lucro ($57 milhões). Jobs continuou suas inovações e em Maio lançou o novo PowerBook G3, a Apple Store educacional, e o revolucionário-- iMac. O iMac seria a resposta da Apple para o consumidor final , com poder mais que suficiente para a maioria das pessoas, com um ótimo preço. Mais tarde anunciaria a fusão do MacOs 8 com o Rapsody- MacOs X-- A versão Apple do NeXTStep em um robusto Os com todas as compatibilidades do MacOs 8 . Em Julho de 1998, Jobs anunciou lucro pelo terceiro treimestre consectivo-- $101 milhões, jogando as ações da Apple ainda mais alto. O iMac era o computador mais vendido, fazendo deste ano, um ano inteiro de lucros. Em Janeiro de1999, Jobs lançou o novo PowerMac G3 Blue and White. Em julho de 1999, Steve Jobs completou o quadrante "Apple Product Matrix"--com a introdução do iBook.

Baseado nos mesmos principios que fizeram do iMac o mais vendido um ano antes, o iBook trouxe estilo ao mercado de portáteis. Alguns meses depois veio o PowerMac G4, uma nova maquina profissional de desktop. Na feira MacWorld de São Francisco em Janeiro de 2000 , Jobs mostrou sua nova estratégia na internet: um novo programa chamado de "iTools" e uma parceria exclusiva com a Earthlink . Jobs passou a ser CEO permanente retirando o "interino" do título. Apesar de receber apenas $1.00 dolar por ano, Steven Jobs continua no comando da Apple Computer, Inc., e manteve o título de "iCEO" porque "achava que soava bem."

Em Maio de 2010 a Apple ultrapassou em valor de ações a Microsoft

Blbliografia: www.apple-history.com